O blog está passando por reformulações, desculpe o inconveniente.

Hipnos - Mitologia Grega | NERD Mitológico


Hipnos (do grego Ὕπνος, Hýpnos, "sono") era a personificação do sono; seu equivalente romano era conhecido como Somnus (Sono) ou Sopor. Segundo a Teogonia de Hesíodo, era filho de Nix, sem pai; segundo o pseudo-Higino, era filho de Érebo e Nix. Em qualquer dos casos, é irmão gêmeo de Tânatos, a Morte.
Nos poemas homéricos, Hipnos habita a ilha de Lemnos, mas Virgílio o deslocou para os Infernos e Ovídio para o país dos Cimérios, às bordas do reino dos mortos. Nesta concepção, Hipnos residia no Érebo, a terra da escuridão eterna, além dos portões do sol nascente, de onde se ergue a cada noite no cortejo de sua mãe Nix. Hipnos era frequentemente representado junto com Tânatos e os Oniros, principalmente Morfeu, que é seu principal servidor e impede que ruídos o acordem. Em Esparta, a imagem de Hipnos era sempre acompanhada pela de Tânatos.
Para Hesíodo e o pseudo-Higino, Hipnos é irmão dos Oniros (Sonhos), enquanto para Ovídio, é o seu pai. A cada noite os Oniros emergem de seu cavernoso lar no Érebo como morcegos, através de dois portais. Um dos portais, de chifre, saem os sonhos proféticos enviados pelos deuses, enquanto do outro, de marfim, saem os sonhos falsos e sem sentido. O termo grego para pesadelo era melas oneiros (sonho negro). São liderados por Morfeu ("forma") e incluem também Fântaso ("fantasia") e um oniro que os deuses chamam Icelo ("semelhança") e os humanos Fobetor ("temível").

Fonte: Wikia

Nenhum comentário